15 fevereiro 2008

TRATE COM CUIDADO

14/02/2008 - 18h09
Campanha da WSPA quer acabar com o transporte de animais para o abate
Da Redação

WSPA defende o fim de transportes de longas distâncias de ovelhas e outros animais
Cruel e desnecessário: estes são os adjetivos usados na campanha "Trate com Cuidado", lançada no dia 12 de fevereiro pela Sociedade Mundial de Proteção Animal (WSPA), para definir o transporte de animais em longas distâncias, que termina com o abate. As viagens nos caminhões, segundo a instituição, provocam sofrimentos e mortes aos bichos, como bois, cavalos, porcos e ovelhas.Entre as rotas mais criticadas na campanha está a que leva o gado do Brasil para o Líbano, ovelhas da Austrália para o Oriente Médio, cavalos da Espanha para a Itália e suínos do Canadá para o Havaí.
Para ampliar a discussão, a WSPA divulgou imagens chocantes, captadas por câmeras escondidas, do sofrimento dos animais nas longas jornadas. A organização aponta que o sofrimento dos bichos é desnecessário, já que há a possibilidade do transporte de carne resfriada e congelada.A campanha pretende chamar a atenção das pessoas e pedir aos governos do mundo todo que impeçam a prática. No Brasil, o site do WSPA tem colhido assinaturas para uma carta, que deverá ser entregue ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (para participar é só clicar em "agir" na página da campanha.O documento, segundo os organizadores, deverá ser enviado num prazo de dois meses, se a instituição reunir número satisfatório de assinaturas.

PÁGINA DA CAMPANHA




cada semana, milhares de bois e vacas são submetidos a uma jornada de três semanas desde o porto amazônico de Belém, no Brasil, até Beirute, no Líbano.



O gado é comprimido em caminhões sob o abrasador calor amazônico. Durante quatro dias são incapazes de se mover ou deitar e não recebem nem alimento nem água. Os que caem são esmagados ou feridos. No navio, a utilização de ferrões elétricos para carregá-los aumenta ainda mais o estresse do gado enfraquecido. Esmagados contra animais estranhos, os animais se ferem uns aos outros na sua agitação. Insolações, traumas e doenças respiratórias serão dizimadores numa jornada de dezesete dias.



Quando chegam ao Líbano, os animais são muitas vezes abatidos de forma desumana e violadora das normas religiosas. Após semanas de desnecessário sofrimento animal, o consumidor é erradamente levado a crer que a carne é ‘Halal’. O abate humanitário, realizado num local próximo ao de onde os animais foram criados, não só terminaria a crueldade do transporte por longas distâncias, como criaria empregos no Brasil.


É HORA DE AGIR
O Brasil pode dar um exemplo para o mundo. Assista ao video e assine conosco a carta ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento pedindo o fim do transporte de animais por longas distância.
CARTA

5 comentários:

bruninha disse...

olá tudo bem?
tem como vc colar o meullink no seu blog?se não tiver eu entendo tá?
é este o meu blog:

www.mundo-a-n-i-m-a-l.blogspot.com

Magiagifs disse...

Oieeeeee tudo bem com vc?Estamos nesse ano colocando 1 blog q já foi a tempos destaque
no magiagifs e seu blog foi escolhido novamente pela beleza...parabéns!Esse novo selinho será
enviado pelo seu mail...se vc quiser postar é só me mandar um oizinho para o mail q eu te retorne com
o código do selinho,tá bom?
Beijinhus
"Se avançarmos com confiança na direção de nossos sonhos, e procurarmos viver a vida que imaginamos, teremos um sucesso inesperado nas horas comuns"
Beijinhus
Magiagifs(Li)

Smareis disse...

Oi Fátima tudo bem? tenho estado muito ausente da net por isso não tenho aparecido aqui com frequência. Espero que tudo esteja correndo bem com vc. Tenho pena desse animais, as pessoas parece que não tem coração. Coitado desses boi. Ja vi muito disso aqui no meu Estado. Os bois sendo carregado em caminhões, uns em cima do outros sem poder se mexer. Isso é covardia.Desejo uma ótima semana Bjs!

Lobo Pasolini disse...

Essa iniciativa do transporte é muito boa, é uma crueldade enorme que tem que ser interrompida. Por falar em bem estar animal, eu lançei uma campanha para melhorar as condições de vida das galinhas poedeiras, umas das principais vítimas do confinamento extremo de avicultura industrial. Por favor ajudem a divulgar: http://ovocausto.blogspot.com

Anônimo disse...

Oi Fatima,estou tentando encontrar
aonde fica pra votar no projeto que cancela o transporte de animais ,porque nao achei.Tb sou a favor dos bichinhos ,tenho uma cadela que gosto muito, ela tem 10 anos o nome dela e Pitxula.Proteçao aos animais,sempre .Meu pai ate faz parte do movimento do greenpeace
e eu faço a minha parte para proteger a natureza e os animais.
Um abraço e desejo-lhe melhoras, espero que se recupere bem da cirurgia.
Ranieli